UAlg consegue financiamento de cerca de 2,5 milhões de euros do programa europeu Erasmus

Publicado em 24 Junho 2020 por RUA FM

O programa europeu Erasmus+ aprovou oito candidaturas da Universidade do Algarve, duas como entidade coordenadora e seis em parceria com outras instituições de ensino superior, perfazendo um financiamento de aproximadamente 2,5 milhões de euros.

Os projetos aprovados permitirão a mobilidade de 1299 beneficiários, entre estudantes, pessoal docente e não docente, em projetos que deverão ser executados até maio de 2022 e julho de 2023, abrangendo um total de 51 países de todo o mundo.

A Reitoria da UAlg adianta que “as duas candidaturas institucionais apresentadas em fevereiro, no âmbito da Ação Chave 1 do Programa Erasmus+ , uma para mobilidades na Europa (candidatura para países do Programa) e a outra para mobilidades de e para países fora da União Europeia (Candidatura International Credit Mobility – ICM), como Angola, China, Correia do Sul, EUA, Marrocos, República Dominicana e Vietnam, contribuirão para potenciar o Colégio Doutoral da UAlg, atraindo estudantes e investigadores de excelência para a região algarvia”.

Adicionalmente, a UAlg integra seis consórcios em associação, quatro que promovem mobilidades na Europa, e dois com promoção fora da União Europeia. No que diz respeito a consórcios nacionais de estágios e estudos para mobilidades na Europa, a UAlg integra o Atlantic Erasmus Training Consortium (AETC), criado em 2012, juntamente com a Universidade Católica Portuguesa e a Escola Superior de Hotelaria e Turismo do Estoril; e o Connecting regions, creating worlds (AL SUD), criado no mesmo ano, tendo como parceiros o Instituto Politécnico de Beja, o Instituto Politécnico de Setúbal e as universidades de Évora e de Lisboa. Mais recentemente, em 2019, passou a integrar o consórcio Mar Mais Erasmus II (MAR EII), juntamente com a Universidade da Madeira e com a Escola Superior de Hotelaria e Turismo do Estoril; e o High Performance Computing and High Performance Data Analytics (HPC-HPDA), juntamente com as universidades de Évora, Nova de Lisboa e Coimbra.

No que diz respeito a consórcios nacionais para mobilidades fora da União Europeia, a Academia algarvia integra o Merging Voices (MV), criado em 2016, para mobilidades com países como: Camarões, Camboja, Correia do Sul, Madagáscar, Nepal, República Dominicana, Sri Lanka, Tailândia e Tanzânia. Faz ainda parte do Joint Academic Middle East and South (JAIMES), criado em 2017, para mobilidades com a Argélia, Israel, Jordânia, Líbano, Marrocos, Palestina, Síria e Tunísia.  Estes dois consórcios são desenvolvidos em parceria com as universidades Nova de Lisboa, Minho, Porto e Trás-os-Montes e Alto Douro.

A aprovação destes projetos contribuirá para que a Academia algarvia continue a investir na promoção internacional, possibilitando as melhores trocas de experiências académicas aos seus estudantes, docentes e pessoal não docente.

  • twitter
  • facebook
  • myspace
  • google
  • aim
  • blinklist
  • blogger
  • blogmarks
  • buzz
  • connotea
  • delicious
  • digg
  • diigo
  • fark
  • friendfeed
  • furl
  • linkedin
  • live
  • livejournal
  • magnolia
  • mixx
  • netvibes
  • netvouz
  • newsvine
  • propeller
  • reddit
  • slashdot
  • stumbleupon
  • technorati
  • yahoo

Comentários fechados.

 
Destacar permite ouvir enquanto navegas na página. Essencial para quem usa Firefox
Destacar permite ouvir enquanto navegas na página. Essencial para quem usa Firefox
Destacar permite ouvir enquanto navegas na página. Essencial para quem usa Firefox
Destacar permite ouvir enquanto navegas na página. Essencial para quem usa Firefox
Destacar permite ouvir enquanto navegas na página. Essencial para quem usa Firefox
 
Newsletter
  1. Aguardamos os teus comentários e Sugestões