Músicos juntam-se em associação nacional inédita

Publicado em 29 Abril 2020 por RUA FM

A atual pandemia da Covid-19 representa a pior crise de sempre para a música portuguesa, bem como para todo o sector cultural. Os músicos foram dos primeiros a paralisar a sua atividade e serão dos últimos a retomá-la em pleno. Com efeito, e com essa preocupação em mente, no passado dia 14 de Março, os músicos Miguel Gameiro, Boss AC, Marisa Liz, Nelson Rosado, Pedro Fernandes Martins e Tiago Pais Dias, formaram nas redes sociais um grupo para que, juntos, pudessem debater e procurar soluções para a crise que se começava a viver.

Ao pequeno grupo rapidamente se juntaram muitos outros músicos e hoje, são quase quatro mil que partilham o objectivo de procurar soluções para valorizar e regulamentar a carreira de músico, uma profissão mais precária do que nunca, sujeita a uma grande sazonalidade e que carece de apoios.

Assim nasceu o AMP, um movimento informal de músicos em crise, reunidos online.

O nome inicialmente fazia referência à palavra “amplificador”, mas passou a ser a sigla de “Associação dos Músicos de Portugal”.

O mote foi o confinamento e a consequente quebra total de rendimentos dos músicos mas a perspectiva do grupo é de continuidade e de futuro, num movimento apartidário de músicos, autores e instrumentistas que não olha a géneros, a estilos ou a mediatismo.

A equipa coordenadora do AMP, constituída pelos seis elementos fundadores, para além de outras iniciativas e reuniões promovidas no último mês e meio, foi recebida pelas direcções da SPA (Sociedade Portuguesa de Autores) e com a GDA (Gestão dos Direitos dos Artistas), tendo-lhes apresentado ideias resultantes dos contributos dados por todos os membros do movimento, por forma a que essas instituições pudessem interceder junto do Ministério da Cultura e do Governo na procura de soluções

Segundo a equipa, tornou-se evidente a falta de uma associação de expressão nacional forte, plural e dinâmica que pudesse representar todos os músicos, tal como se tornou inevitável a consequente constituição legal da Associação dos Músicos de Portugal. Apesar dos constrangimentos que impedem que as reuniões sejam presenciais, a associação está no processo de ser constituída legalmente e funcionará em pleno ainda em 2020.

  • twitter
  • facebook
  • myspace
  • google
  • aim
  • blinklist
  • blogger
  • blogmarks
  • buzz
  • connotea
  • delicious
  • digg
  • diigo
  • fark
  • friendfeed
  • furl
  • linkedin
  • live
  • livejournal
  • magnolia
  • mixx
  • netvibes
  • netvouz
  • newsvine
  • propeller
  • reddit
  • slashdot
  • stumbleupon
  • technorati
  • yahoo

Comentários fechados.

 
Destacar permite ouvir enquanto navegas na página. Essencial para quem usa Firefox
Destacar permite ouvir enquanto navegas na página. Essencial para quem usa Firefox
Destacar permite ouvir enquanto navegas na página. Essencial para quem usa Firefox
Destacar permite ouvir enquanto navegas na página. Essencial para quem usa Firefox
Destacar permite ouvir enquanto navegas na página. Essencial para quem usa Firefox
 
Newsletter
  1. Aguardamos os teus comentários e Sugestões