DRCAlg inicia programa do Ano Europeu do Património Cultural com um Curso dedicado ao Património Cultural Imaterial

Publicado em 09 Fevereiro 2018 por RUA

A Direção Regional de Cultura do Algarve juntou, sob a égide da formação, diversos sectores interessadosem Património Cultural Imaterial, da região.

Decorreu no auditório da sede da DRCAlg um Curso Breve dedicado ao Património Cultural Imaterial, de15 a29 de janeiro (repartido em 5 dias úteis), com a coordenação científica da Profª. Doutora Carla Almeida, docente na ESGHT/UAlg, tendo como objetivo dar a conhecer os procedimentos a desenvolver para a inscrição no Inventário Nacional do Património Cultural Imaterial (INPCI) das manifestações do património imaterial da região.

O curso contou, ainda, com a participação de diversos especialistas com trabalho já desenvolvido nesta matéria – Ana Rosa Sousa (Museu Municipal de Loulé); Emanuel Sancho (Museu do Traje de São Brás de Alportel); Laura Carlos (investigadora e proponente para a inventariação da Festa da Pinha – Estoi a Património Cultural Imaterial) Vítor Pina (fotógrafo); Maria Manuel Valagão (investigadora) e Maria do Céu Baptista (consultora cultural da Mútua dos Pescadores), que introduziram estudos de caso concretos e demonstraram a relação entre a dimensão científica e teórica, e a realidade prática destas manifestações patrimoniais.

Este curso contou com o apoio da ESGHT onde, no âmbito do trabalho prático, decorreram alguns dos dias da formação.

O número de interessados nesta formação foi grande, o que levou a que se limitasse a 45 o número dos que puderam frequentar este Curso, deixando de fora muitos dos que nos contactaram demonstrando o seu interesse nesta formação. Reuniram-se, assim, no auditório localizado na sede da DRCAlg, um público diversificado de académicos e outros sectores da sociedade, entre os quais alunos de mestrado de várias universidades nas áreas da Comunicação, Património e Arquitectura; Centros de Investigação da UAlg; colaboradores dos Museus da região; empresas de Turismo; autárquicos; Associações Culturais; CCDR; para além de formandos que vieram de outras regiões do país (Sines e Porto).

A motivação desta entidade para a promoção do conhecimento do Património Cultural Imaterial, a sua valorização e salvaguarda tem associado a expectativa de que esta temática adquira novas dinâmicas.

A inventariação das manifestações culturais do Algarve é uma das formas de dar a conhecer a riqueza cultural de que esta região é detentora, factor relevante não só para a salvaguarda das mesmas mas também como valorização da região como pólo de atração de visitantes interessados pela cultura local.

Outras iniciativas se seguirão na relação com o Ano Europeu do Património Cultural que em breve serão disponibilizadas em www.cultalg.pt

  • twitter
  • facebook
  • myspace
  • google
  • aim
  • blinklist
  • blogger
  • blogmarks
  • buzz
  • connotea
  • delicious
  • digg
  • diigo
  • fark
  • friendfeed
  • furl
  • linkedin
  • live
  • livejournal
  • magnolia
  • mixx
  • netvibes
  • netvouz
  • newsvine
  • propeller
  • reddit
  • slashdot
  • stumbleupon
  • technorati
  • yahoo

Deixa um Comentário

 
 
Destacar permite ouvir enquanto navegas na página. Essencial para quem usa Firefox
Destacar permite ouvir enquanto navegas na página. Essencial para quem usa Firefox
Destacar permite ouvir enquanto navegas na página. Essencial para quem usa Firefox
Destacar permite ouvir enquanto navegas na página. Essencial para quem usa Firefox
Destacar permite ouvir enquanto navegas na página. Essencial para quem usa Firefox
 
Newsletter
  1. Aguardamos os teus comentários e Sugestões