Arquivo | Universidade

Tags: , , ,

Universidade do Algarve acolhe V Colóquio Narrativa, Média e Cognição

Publicado em 31 Outubro 2018 por RUA

A quinta edição do Colóquio Narrativa, Média e Cognição decorre na Universidade do Algarve, no Campus da Penha, dias 09 e 10 de novembro.

O estudo, a compreensão e a divulgação de práticas narrativas vão ser os temas em cima da mesa, nesta iniciativa organizada pelo CIAC – Centro de Investigação em Artes e Comunicação, em coorganização com o Grupo de Trabalho “Narrativas Audiovisuais” da Associação de Investigadores da Imagem em Movimento e a Sociedade Portuguesa de Ciências dos Videojogos.

O programa do evento conta com uma palestra inaugural de Arnaldo Saraiva, investigador científico e literário, ensaísta, cronista e poeta, e com 9 painéis dedicados a temas como: as Narrativas Marginalizadas, as Fake News, as Narrativas Literárias e as Narrativas mediáticas.

O V Colóquio Narrativa, Média e Cognição tem lugar no Complexo Pedagógico do Campus da Penha. A sessão inaugural acontece no anfiteatro 1.4, às 10h00.

A entrada é livre e confere certificado de participação, mas está sujeita a inscrição prévia, que pode ser feita no site da Universidade do Algarve.

Comentários (0)

Tags: , ,

UAlg atribui Doutoramento Honoris Causa a Joaquim Romero Magalhães

Publicado em 30 Outubro 2018 por RUA

A Universidade do Algarve vai atribuir o título de Doutor Honoris Causa a Joaquim Antero Romero Magalhães, no dia 12 de dezembro, data em que a UAlg comemora mais um aniversário, com uma cerimónia pública aberta a toda a comunidade, que também marcará o início das comemorações do 40º aniversário da instituição.

A proposta foi apresentada pelo Conselho Científico da Faculdade de Ciências Humanas e Sociais (FCHS) e pelo Conselho Científico da Faculdade de Economia (FE) e aprovada, por unanimidade, pelo Senado Académico da UAlg, no dia 26 de setembro de 2018.

Para Paulo Águas, reitor da UAlg, “trata-se de um justo e merecido reconhecimento a um brilhante académico algarvio, com um contributo inestimável para o estudo da história económica da região”.

Joaquim Romero Magalhães nasceu em Loulé em 1942. Fez a Escola Normal e o Liceu em Faro. Na cerimónia da sua jubilação, em 2012, referiu-se a esse seu percurso na cidade de Faro como tendo sido determinante na sua formação, designadamente pelo convívio que aí teve com as classes mais desfavorecidas da cidade.

Licenciou-se em História na Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra, em 1967. Obteve o grau de Doutor, em 1984, na Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra e integrou o corpo docente dessa Faculdade. Foi nomeado em 1994 professor catedrático daquela Universidade.

Durante o seu percurso de docente universitário foi professor convidado da École des Hautes Études en Sciences Sociales, de Paris (1989 e 1999), da Universidade de São Paulo (1991 e 1997) e da Yale University (2003). Coordenou o volume “Alvorecer da Modernidade”, vol. III da História de Portugal dirigida por José Mattoso (1993). Publicou recentemente “Vem aí a República! 1906-1910” (2009). Na Imprensa da Universidade está a reunir obra dispersa com o título genérico de Miunças, três volumes (2011-2012).

Presidente do Teatro dos Estudantes da Universidade de Coimbra (1963), Presidente da Associação Académica de Coimbra (1964); Deputado à Assembleia Constituinte da República Portuguesa (1975-1976); Secretário de Estado da Orientação Pedagógica dos governos presididos por Mário Soares (1976-1978); Presidente do Conselho Diretivo da Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra (1985-1989 e 1991-1993); Comissário-Geral da Comissão Nacional para as Comemorações dos Descobrimentos Portugueses (1999-2002), e diretor da revista Oceanos (1999-2001). Membro da Comissão Consultiva das Comemorações do Centenário da República (2009-2011).

Atualmente dirige a revista “Anais do Município de Faro” A 18 de abril de 2012 jubilou-se, tendo proferido a “última lição” na Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra. Joaquim Romero Magalhães colaborou com a Universidade do Algarve desde os seus primórdios, defendendo esta instituição num dos momentos mais difíceis da sua instalação. Nos Seminários organizados em 1982 e 1983, subordinados à temática “Portugal Mediterrâneo, o Algarve no contexto português” e destinados à melhor integração dos emigrantes portugueses em férias no Algarve, Joaquim Romero Magalhães foi uma das personalidades que proferiram lições no âmbito dos Programas dessas realizações.

A sua colaboração estendeu-se posteriormente a algumas edições do Mestrado em “História do Algarve”, assegurando blocos temáticos da componente escolar desse grau.

Participou em diversos júris de doutoramento que conduziram à qualificação do corpo docente da UAlg. Pode referir-se os casos do António Rosa Mendes ou do José Carlos Vilhena Mesquita, criando com o primeiro uma relação de enorme proximidade que foi bruscamente cortada com a morte deste professor da Universidade do Algarve. Na sessão de homenagem que a Universidade do Algarve dedicou a António Rosa Mendes, Joaquim Romero Magalhães foi um dos oradores.

Promoveu, juntamente com Manuel Viegas Guerreiro, a publicação de duas descrições do Algarve do século XVI: Corografia do Reino do Algarve (1577), de Frei João de S. José, e História do Reino do Algarve (circa 1600), de Henrique Fernandes Sarrão. Dois textos fundamentais para compreender a história do Algarve.

A sua bibliografia inclui inúmeros trabalhos sobre o Algarve Económico, centrando-se especificamente nos séculos XVI, XVII E XVIII.

Comentários (0)

Centro de Investigação da UAlg é o novo parceiro de comunicação do Cancer Drug Development Forum

Publicado em 19 Outubro 2018 por RUA

O Centro de Investigação em Biomedicina (CBMR) da Universidade do Algarve acaba de se tornar parceiro de comunicação do Cancer Drug Development Forum, que integra a European Cancer Organization (ECCO), uma organização sem fins lucrativos que visa defender o direito de todos os pacientes oncológicos ao melhor tratamento e cuidados possíveis, promovendo a interação entre todas as organizações envolvidas na área do cancro na Europa. 

A organização europeia, sediada em Bruxelas, une experts da academia, indústria farmacêutica e entidades reguladoras para acelerar o desenvolvimento clínico de medicamentos contra o cancro. O CBMR é o mais recente reforço na área da comunicação de ciência.

O convite surge no intuito de providenciar à organização uma plataforma de comunicação única que facilite a interação entre todos os envolvidos (desde a academia, à indústria farmacêutica, passando pelas entidades reguladoras, pelos decisores políticos e pelos provedores do paciente).

O CBMR passará, assim, a integrar a vasta rede de comunicação do Cancer Drug Development Forum, afirmando-se como seu parceiro e contribuindo, através das suas plataformas digitais, para a difusão de eventos, workshops, ações de formação e outras atividades de cariz colaborativo que, direta ou indiretamente, permitam acelerar o desenvolvimento clínico de medicamentos contra o cancro.

Saiba mais sobre o Cancer Drug Development Forum aqui

 

Comentários (0)

UAlg assinala Dia Mundial da Alimentação

Publicado em 16 Outubro 2018 por RUA

No dia 16 de outubro, comemora-se o Dia Mundial da Alimentação, e em mais de 150 países são organizados eventos, tornando-se um dos dias mais celebrados no calendário da ONU. A Universidade do Algarve também assinala a efeméride promovendo a conscientização para fome que ainda existe no mundo, bem como para a necessidade de garantir a segurança alimentar e dietas nutritivas para todos. 

Neste Dia Mundial da Alimentação, a UAlg dá a conhecer a publicação do livro “Alimentação saudável, um guia para escolhas alimentares saudáveis e acertadas”, da autoria de docentes e alumni da UAlg. Este livro, de acesso gratuito, está disponível no Sapientia, Repositório da Universidade do Algarve: http://hdl.handle.net/10400.1/10818. Apresenta informação sobre como planear refeições, escolher os alimentos e as suas técnicas de confeção culinária mais saudáveis.

Além disso, neste dia será feita distribuição gratuita de fruta, nos diversos espaços dos SAS, nomeadamente cantinas, bares, Restaurante Universitário e residências.

Refira-se que recentemente foi formado na UAlg o grupo de trabalho “UAlg + Saudável”, que procura desenvolver e implementar políticas que possam contribuir para uma UAlg + Saudável. A alimentação é uma das dimensões em que este grupo está a trabalhar, estando previstas as seguintes campanhas: “UAlg + Saudável, com + Fruta”; “UAlg + Saudável, com + Salada”; e “UAlg + Saudável, com – Desperdício”.

Recorde-se que a celebração anual deste Dia marca a fundação da “Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura” (FAO), ocorrida em 1945.

Atualmente existem no mundo cerca de 2 biliões de pessoas com excesso de peso, enquanto mais de 800 milhões passam fome. O Dia Mundial da Alimentação é uma oportunidade para demonstrar o compromisso que os países do mundo assumiram, tendo como meta central dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS) acabar a fome do planeta até 2030.

As escolhas alimentares são importantes para a saúde e bem-estar pessoal. O desenvolvimento de uma UAlg + Saudável começa em cada um de nós.

Comentários (0)

Instituto Superior de Engenharia da UAlg celebra 30º aniversário refletindo sobre “O papel da Engenharia na Sociedade”

Publicado em 16 Outubro 2018 por RUA

O Instituto Superior de Engenharia (ISE) da Universidade do Algarve assinala as comemorações do seu 30 ª aniversário numa sessão que se realiza no próximo dia 17 de outubro, às 14h30, no anfiteatro José Silvestre, no Campus da Penha.

As comemorações iniciam-se com uma conferência que servirá para refletir sobre “O papel da Engenharia na Sociedade”, seguindo-se várias apresentações e troca de experiências de antigos e atuais alunos.

A iniciativa servirá ainda para discutir o futuro desta engenharia, num debate alargado a todos os participantes.

António Mortal, diretor do ISE, faz um balanço extremamente positivo destes trinta anos. “É gratificante verificar que os engenheiros formados nesta Escola pertencem aos quadros da maioria das empresas algarvias, e não nos podemos esquecer ainda de todos os outros que se encontram a trabalhar em várias partes do mundo.” Na sua perspetiva “o objetivo nuclear dos cursos do ISE foi, e continua a ser, o de garantir uma formação adequada, para que os diplomados se possam integrar rapidamente no mercado de trabalho, acrescentando valor à Economia”. Outro grande objetivo, refere, “é o de garantir a formação contínua dos quadros técnicos, adaptando-se sempre às exigências da sociedade e do

Na sua opinião, continua a ser indiscutível que os engenheiros contribuem ativamente para o desenvolvimento da sociedade. “A engenharia está presente em todas as atividades e em todos os setores associados ao consumo humano. No entanto, as pessoas conhecem pouco do que é a engenharia, mesmo estando rodeados de estruturas tecnológicas, como os telemóveis, computadores e automóveis, usam-se estes equipamentos, no dia-a-dia, sem nos apercebermos de muitos dos processos de engenharia incorporados nessas tecnologias.” Nos últimos anos, explica, “temos vindo a absorver uma sucessão de inovações tecnológicas, cada vez mais rapidamente, que conduzem a alterações disruptivas. Para se adaptar e acompanhar esta tendência a sociedade necessita ainda de mais de engenheiros, em todas as áreas do saber.”mercado de trabalho e oferecendo além de cursos técnicos superiores profissionais, licenciaturas, mestrados de continuidade e outros de cariz mais profissional”. Com orgulho, António Mortal afirma: “durante estes trinta anos formámos 4840 diplomados todos os ciclos de estudo.

António Mortal concretiza ainda que “o deficit de engenheiros, nas sociedades desenvolvidas, é reconhecido a nível mundial, mas felizmente há sinais de que a perceção por parte dos jovens e das famílias está a mudar relativamente aos cursos de engenharia.” Na sua opinião, a procura de engenheiros por parte das empresas é superior à oferta.” A engenharia é sem dúvida uma profissão com futuro”.

A sessão termina com a atuação do “Grupo de Jazz da Universidade do Algarve.

Comentários (0)

Projeto de docentes da UAlg vence Orçamento Participativo Portugal para criar “Rota Literária do Algarve”

Publicado em 15 Outubro 2018 por RUA

Rota Literária do Algarve” é um dos projetos vencedores do Orçamento Participativo Portugal (OPP), cujos resultados foram conhecidos no dia 11 de outubro. Tendo com​​​​​​​o proponentes Rita Baleiro e Sílvia Quinteiro, docentes da Escola Superior de Hotelaria e Turismo (ESGHT) da UAlg, o projeto propõem-se “criar um novo olhar sobre esta região: um olhar mediado pelos textos literários e com o qual vamos ler o espaço, os monumentos, a história, as lendas, a natureza, os algarvios e as suas práticas ancestrais.” 

“O propósito, acima de tudo, é o de valorizar o património algarvio associando o espaço físico aos textos, estabelecendo conexões entre o espaço físico e os textos de autores algarvios. Criar itinerários literários nos 16 concelhos da região, disponibilizá-los em português, inglês e francês, de modo a ampliar, diversificar e enriquecer a oferta de experiências culturais no Algarve, para visitantes nacionais e internacionais​ de todas as idades​.”

Este projeto, avaliado em 120 mil euros, terá um período de concretização de 24 meses.​

Recorde-se que OPP é um processo democrático deliberativo, direto e universal, através do qual as pessoas apresentam propostas de investimento e que escolhem, através do voto, quais os projetos que devem ser implementados em diferentes áreas de governação. Através do OPP as pessoas podem decidir como investir 5 milhões de euros.

Comentários (0)

CCMAR e CIBIO descodificam genoma da sardinha

Publicado em 12 Outubro 2018 por RUA

O genoma da sardinha foi descodificado e está accessível aos interessados.

Uma equipa de cientistas do CCMAR e do CIBIO descodificou o genoma da sardinha, uma espécie de grande interesse comercial e cultural em Portugal, e disponibilizou-o na Internet, abrindo caminho para novas abordagens para a sua gestão e conservação.

O projeto do Genoma da Sardinha foi desenvolvido por uma equipa de investigadores do CCMAR (Centro de Ciências do Mar) da Universidade do Algarve, e do CIBIO (Centro de Investigação em Biodiversidade e Recursos Genéticos) da Universidade do Porto. Os investigadores descodificaram o genoma da espécie Sardina pilchardus – a sardinha que se pesca na nossa costa – e disponibilizaram toda a informação em bases de dados públicas para que as partes interessadas, nomeadamente a comunidade científica, as empresas e a administração púbica, possam utilizar livremente aquela informação.

Este é também um exemplo de ciência aberta, em que os investigadores em vez de reterem os dados para si, os disponibilizam para que a comunidade científica os possam utilizar de imediato, acelerando assim o processo de descoberta. “Estamos satisfeitos com os resultados deste trabalho porque sabemos que irá permitir estudos de gestão e conservação da sardinha que até agora não eram possíveis” refere Gianluca De Moro, investigador do CCMAR e um dos autores do estudo.

A sardinha é um recurso que tem sido alvo de importantes e necessárias restrições de pesca de modo a acautelar a sua sustentabilidade e conservação. Para Bruno Louro, investigador do CCMAR e outro autor deste estudo, “a importância estratégica da sardinha justifica um trabalho mais avançado que garanta uma gestão mais eficaz das suas populações.

Estes resultados permitem, por exemplo, vir a definir com um rigor muito elevado os limites de cada população de sardinha, o que não era possível até agora. Nesse sentido, a esta equipa do CCMAR e CIBIO juntaram-se investigadores do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) e da Faculdade de Ciências da Universidade do Porto (FCUP) para pôr em marcha um grande projecto da variação do genoma da sardinha e da sua aplicação na gestão dos seus mananciais de pesca.”

Comentários (0)

Tags: , , ,

Estudantes Africanos da UAlg organizam conferência sobre Ciência e Arte

Publicado em 11 Outubro 2018 por RUA

‘A Ciência e a Arte na vanguarda do desenvolvimento africano’ serve de mote para uma conferência organizada pela Secção Autónoma de Estudantes Africanos da Universidade do Algarve, que irá realizar-se no dia 12 de outubro, no Auditório Verde (edifício 8), com início às 9h00.

Entre muitas outras entidades, irão estar presentes o embaixador de Angola em Portugal, Carlos Alberto Saraiva de Carvalho Fonseca, o embaixador de Moçambique, Joaquim Bule, a embaixadora da África do Sul, Mmamokwena Gaoretelelwe, o cônsul-geral de Angola em Faro, Luís Filipe de Jesus Alonso do Amaral Galiano, e o presidente da Câmara de Comércio Portugal Moçambique, Rui Moreira de Carvalho.

Com o objetivo de promover o debate académico, tendo sempre em vista os benefícios da sociedade africana, o avanço das diversas áreas da ciência e da arte e a sua integração multidisciplinar, este encontro pretende ainda possibilitar momentos de networking entre estudantes e comunidades africanas, com as entidades públicas e privadas.

Com um programa repleto de atividades, mostras e debates, nesta conferência também serão partilhadas histórias de sucesso de artistas africanos residentes em Portugal, como é o caso de Costa Neto, considerado por muitos como o mais fiel intérprete da música moçambicana, entre outros convidados.

 

Comentários (0)

Prémio Nobel da Química de 2018 participou em congresso organizado pela UAlg

Publicado em 04 Outubro 2018 por RUA

Frances H. Arnold, Prémio Nobel da Química 2018, proferiu uma lição plenária na abertura do 24th IUPAC – International Conference on Physical Organic Chemistry (ICPOC 24), organizado pela Universidade do Algarve, no passado mês de julho.

Segundo a Academia sueca, Frances H. Arnold, do Instituto de Tecnologia da Califórnia, em Pasadena (EUA), recebeu o Nobel da Química pelo trabalho desenvolvido com a “evolução dirigida de enzimas”.

Frances H. Arnold é engenheira química, especialista em biotecnologia. O seu trabalho pioneiro em evolução dirigida, com impacto em áreas que envolvem catálise enzimática, por exemplo em biomedicina, já lhe havia valido a atribuição de inúmeros prémios, incluindo uma condecoração pelo presidente Barack Obama e o prémio Millennium Technology em 2016.

Participou também na sessão de abertura do ICPOC 24 Bernard Feringa, Nobel da Química em 2016.

Mais informação sobre o prémio Nobel da Química de 2018 aqui

 

 

Comentários (0)

UAlg assinala abertura do novo ano académico com concerto da Orquestra Clássica do Sul

Publicado em 04 Outubro 2018 por RUA

No próximo sábado, dia 6 de outubro, a Universidade do Algarve vai celebrar a Abertura do Ano Académico 2018/2019 com um concerto da Orquestra Clássica do Sul, que terá início às 18h00, no Claustro do Museu Municipal de Faro. 

A iniciativa, que é aberta a toda a comunidade académica e à população em geral, pretende dar as boas-vindas aos novos alunos, assegurando, assim, a sua plena integração não só na vida universitária, mas também na cidade e na região que os acolhe.

A Orquestra interpretará obras de autores como Mozart, Marcos Portugal, Rossini, Mascagni, Delibes, sob a direção do maestro José Eduardo Gomes, tendo como barítono João Merino.

O concerto é de entrada livre, mas está sujeita à lotação da sala.

Ver programa completo aqui.

Comentários (0)

 
Destacar permite ouvir enquanto navegas na página. Essencial para quem usa Firefox
Destacar permite ouvir enquanto navegas na página. Essencial para quem usa Firefox
Destacar permite ouvir enquanto navegas na página. Essencial para quem usa Firefox
Destacar permite ouvir enquanto navegas na página. Essencial para quem usa Firefox
Destacar permite ouvir enquanto navegas na página. Essencial para quem usa Firefox
 
Jan
16
Qua
todo o dia Monstrare – 5ª edição de Mostra ... @ Cineteatro Louletano
Monstrare – 5ª edição de Mostra ... @ Cineteatro Louletano
Jan 16 todo o dia
Monstrare - 5ª edição de Mostra Internacional de Cinema Social @ Cineteatro Louletano
De quarta a sábado o Cineteatro Louletano recebe a Monstrare – 5ª edição de Mostra Internacional de Cinema Social. Este é o primeiro evento em Portugal dedicado exclusivamente ao cinema sobre temáticas sociais, sendo também[...]
09:00 Exposição “Metáfora e Metonímia”... @ IPDJ - Faro
Exposição “Metáfora e Metonímia”... @ IPDJ - Faro
Jan 16@09:00_18:00
Exposição “Metáfora e Metonímia” de João Góis no IPDJ @ IPDJ - Faro
“Metáfora e Metonímia” de João Góis, é a exposição que está patente no IPDJ até 29 de Janeiro. A exposição apresenta os últimos trabalhos a óleo e a aguarela do artista, cujo tema subjacente e[...]
Jan
17
Qui
09:00 Exposição “Metáfora e Metonímia”... @ IPDJ - Faro
Exposição “Metáfora e Metonímia”... @ IPDJ - Faro
Jan 17@09:00_18:00
Exposição “Metáfora e Metonímia” de João Góis no IPDJ @ IPDJ - Faro
“Metáfora e Metonímia” de João Góis, é a exposição que está patente no IPDJ até 29 de Janeiro. A exposição apresenta os últimos trabalhos a óleo e a aguarela do artista, cujo tema subjacente e[...]
Jan
18
Sex
09:00 Exposição “Metáfora e Metonímia”... @ IPDJ - Faro
Exposição “Metáfora e Metonímia”... @ IPDJ - Faro
Jan 18@09:00_18:00
Exposição “Metáfora e Metonímia” de João Góis no IPDJ @ IPDJ - Faro
“Metáfora e Metonímia” de João Góis, é a exposição que está patente no IPDJ até 29 de Janeiro. A exposição apresenta os últimos trabalhos a óleo e a aguarela do artista, cujo tema subjacente e[...]
17:00 “Jazz nas Adegas” com Zeus Faber @ Quinta João Clara - Alcantarilha
“Jazz nas Adegas” com Zeus Faber @ Quinta João Clara - Alcantarilha
Jan 18@17:00_23:15
"Jazz nas Adegas" com Zeus Faber @ Quinta João Clara - Alcantarilha
No fim de semana o Jazz nas Adegas está de regresso com Zeus Faber. A banda procura sempre compor sonoridades multiculturais, tendo como base o jazz e as diversas influências dos músicos envolvidos. O repertório[...]
21:30 “Mozart e o Papá Haydn”, pela Or... @ Teatro das Figuras - Faro
“Mozart e o Papá Haydn”, pela Or... @ Teatro das Figuras - Faro
Jan 18@21:30_22:45
“Mozart e o Papá Haydn”, pela Orquestra Clássica do Sul @ Teatro das Figuras - Faro
Sexta-feira o Teatro das Figuras recebe “Mozart e o Papá Haydn”, pela Orquestra Clássica do Sul. No segundo concerto do ciclo “Amadeus”, a orquestra convida Rui Borges Maia, na flauta e Salomé Pais Matos na[...]
Jan
19
Sáb
todo o dia Monstrare – 5ª edição de Mostra ... @ Cineteatro Louletano
Monstrare – 5ª edição de Mostra ... @ Cineteatro Louletano
Jan 19 todo o dia
Monstrare - 5ª edição de Mostra Internacional de Cinema Social @ Cineteatro Louletano
De quarta a sábado o Cineteatro Louletano recebe a Monstrare – 5ª edição de Mostra Internacional de Cinema Social. Este é o primeiro evento em Portugal dedicado exclusivamente ao cinema sobre temáticas sociais, sendo também[...]
10:00 Festa das Chouriças em Querença @ Querença
Festa das Chouriças em Querença @ Querença
Jan 19@10:00_23:45
Festa das Chouriças em Querença @ Querença
No fim de semana a Festa das Chouriças está de regresso a Querença. Sábado, às 21h na Casa do Povo tem lugar uma noite de fados que abre este certame. Domingo Mercadinho com exposição e[...]
17:00 “Jazz nas Adegas” com Zeus Faber @ Quinta João Clara - Alcantarilha
“Jazz nas Adegas” com Zeus Faber @ Quinta João Clara - Alcantarilha
Jan 19@17:00_23:15
"Jazz nas Adegas" com Zeus Faber @ Quinta João Clara - Alcantarilha
No fim de semana o Jazz nas Adegas está de regresso com Zeus Faber. A banda procura sempre compor sonoridades multiculturais, tendo como base o jazz e as diversas influências dos músicos envolvidos. O repertório[...]
21:30 “Estrelas Al Tango” no Teatro da... @ Teatro das Figuras - Faro
“Estrelas Al Tango” no Teatro da... @ Teatro das Figuras - Faro
Jan 19@21:30_23:30
“Estrelas Al Tango” no Teatro das Figuras @ Teatro das Figuras - Faro
Sábado o Teatro das Figuras recebe o espetáculo “Estrelas Al Tango”. Integrado no Festival de Tango do Algarve, esta é uma homenagem a um género musical que suscita paixões em todo o mundo. Dançarinos e[...]
21:30 III Festival Internacional de Pi... @ TEMPO - Portimão
III Festival Internacional de Pi... @ TEMPO - Portimão
Jan 19@21:30_22:45
III Festival Internacional de Piano do Algarve @ TEMPO - Portimão
Sábado, o TEMPO recebe o III Festival Internacional de Piano do Algarve com a audição do concerto nº1 de Tchaikovsky para Piano e Orquestra. Este concertro é porventura um dos mais conhecidos e icónicos do[...]
Jan
20
Dom
10:00 Festa das Chouriças em Querença @ Querença
Festa das Chouriças em Querença @ Querença
Jan 20@10:00_23:45
Festa das Chouriças em Querença @ Querença
No fim de semana a Festa das Chouriças está de regresso a Querença. Sábado, às 21h na Casa do Povo tem lugar uma noite de fados que abre este certame. Domingo Mercadinho com exposição e[...]
Newsletter
  1. Aguardamos os teus comentários e Sugestões