Calendar

Categorias ▾
  • Academia
  • Academia
  • Cinema
  • Cultura
  • Dança
  • Desporto
  • Exposições
  • Música
  • Teatro

Agenda

+ Expandir − Diminuir Hoje
  1. Abr
    4
    Qua

    1. Festival Som Riscado em Loulé (dia-todo)
      Abr 4

      De quarta-feira a domingo o Festival Som Riscado regressa a Loulé.

      Concertos visuais, performances, exposições, instalações interativas, formação e debates fazem parte do programa.

      O festival tem como objetivo fomentar cruzamentos e diálogos criativos entre os universos da música e da imagem, bem como para apresentar abordagens exploratórias e experimentais, de cariz contemporâneo, em torno da arte do som.

      Rodrigo Leão Ensemble, João Paulo Esteves da Silva Trio, Nova Orquestra Futurista do Porto, Tiago Pereira, Triktopus e outros tantos músicos, realizadores, fotógrafos, performers e atores são os protagonistas desta edição.

      Festival Som Riscado, de quarta-feira a domingo em Loulé.

      Programa completo na pagina do Cineteatro Louletano.

      +
      Festival Som Riscado em Loulé (dia-todo)
    2. Exposição de desenhos “Ar” no Museu Municipal de Faro
      10:00 – 18:00

      Até 8 de Abril o Museu Municipal de Faro, recebe a exposição de desenhos “Ar” de Isabel Baraona, Thierry Simões e Tiago Baptista.

      Trata-se de uma mostra que é um desenho de desenhos, unidos por um “ar” de coisa viva, em transição, inacabada, aberta e disponível — uma espécie de profecia à espera de ser cumprida.

      Esta exibição segue o ciclo de arte contemporânea “Um Certo Ponto de Vista”, um projeto “Artadentro” apresentado no âmbito do 365Algarve.

      Durante a inauguração, que acontece sábado às 17h00, tem lugar uma prova de vinhos algarvios, oferecida pela Comissão Vitivinícola do Algarve.

      Exposição de desenhos “Ar” para ver até 8 de Abril no Museu Municipal de Faro.

      +
      10:00
      Exposição de desenhos “Ar” no Museu Municipal de Faro
    3. Exposição “A lucerna através do tempo. Iluminando Ossónoba romana”
      10:00 – 17:00

      Até 6 de maio o Museu Municipal de Faro recebe a exposição “A lucerna através do tempo. Iluminando Ossónoba romana”

      A lucerna é um conhecido artefacto arqueológico de iluminação, que fazia parte do quotidiano de qualquer família. É também um objeto de propaganda, de mudanças sociais e religiosas, de gostos estéticos, de comércio e de economia.

      Nesta exposição é exibido um conjunto de várias dezenas de lucernas, mostrando a sua evolução entre o século II a.C e o século VI da nossa Era, juntamente com mais peças emprestadas pelo Museu Nacional de Arqueologia.

      Para ver até 6 de Maio no Museu Municipal de Faro, exposição “A lucerna através do tempo. Iluminando Ossónoba romana”.

      A inauguração acontece sábado às 17h.

      +
      10:00
      Exposição “A lucerna através do tempo. Iluminando Ossónoba romana”
  2. Abr
    5
    Qui

    1. Festival Som Riscado em Loulé (dia-todo)
      Abr 5

      De quarta-feira a domingo o Festival Som Riscado regressa a Loulé.

      Concertos visuais, performances, exposições, instalações interativas, formação e debates fazem parte do programa.

      O festival tem como objetivo fomentar cruzamentos e diálogos criativos entre os universos da música e da imagem, bem como para apresentar abordagens exploratórias e experimentais, de cariz contemporâneo, em torno da arte do som.

      Rodrigo Leão Ensemble, João Paulo Esteves da Silva Trio, Nova Orquestra Futurista do Porto, Tiago Pereira, Triktopus e outros tantos músicos, realizadores, fotógrafos, performers e atores são os protagonistas desta edição.

      Festival Som Riscado, de quarta-feira a domingo em Loulé.

      Programa completo na pagina do Cineteatro Louletano.

      +
      Festival Som Riscado em Loulé (dia-todo)
    2. Exposição de desenhos “Ar” no Museu Municipal de Faro
      10:00 – 18:00

      Até 8 de Abril o Museu Municipal de Faro, recebe a exposição de desenhos “Ar” de Isabel Baraona, Thierry Simões e Tiago Baptista.

      Trata-se de uma mostra que é um desenho de desenhos, unidos por um “ar” de coisa viva, em transição, inacabada, aberta e disponível — uma espécie de profecia à espera de ser cumprida.

      Esta exibição segue o ciclo de arte contemporânea “Um Certo Ponto de Vista”, um projeto “Artadentro” apresentado no âmbito do 365Algarve.

      Durante a inauguração, que acontece sábado às 17h00, tem lugar uma prova de vinhos algarvios, oferecida pela Comissão Vitivinícola do Algarve.

      Exposição de desenhos “Ar” para ver até 8 de Abril no Museu Municipal de Faro.

      +
      10:00
      Exposição de desenhos “Ar” no Museu Municipal de Faro
    3. Exposição “A lucerna através do tempo. Iluminando Ossónoba romana”
      10:00 – 17:00

      Até 6 de maio o Museu Municipal de Faro recebe a exposição “A lucerna através do tempo. Iluminando Ossónoba romana”

      A lucerna é um conhecido artefacto arqueológico de iluminação, que fazia parte do quotidiano de qualquer família. É também um objeto de propaganda, de mudanças sociais e religiosas, de gostos estéticos, de comércio e de economia.

      Nesta exposição é exibido um conjunto de várias dezenas de lucernas, mostrando a sua evolução entre o século II a.C e o século VI da nossa Era, juntamente com mais peças emprestadas pelo Museu Nacional de Arqueologia.

      Para ver até 6 de Maio no Museu Municipal de Faro, exposição “A lucerna através do tempo. Iluminando Ossónoba romana”.

      A inauguração acontece sábado às 17h.

      +
      10:00
      Exposição “A lucerna através do tempo. Iluminando Ossónoba romana”
  3. Abr
    6
    Sex

    1. Festival Som Riscado em Loulé (dia-todo)
      Abr 6

      De quarta-feira a domingo o Festival Som Riscado regressa a Loulé.

      Concertos visuais, performances, exposições, instalações interativas, formação e debates fazem parte do programa.

      O festival tem como objetivo fomentar cruzamentos e diálogos criativos entre os universos da música e da imagem, bem como para apresentar abordagens exploratórias e experimentais, de cariz contemporâneo, em torno da arte do som.

      Rodrigo Leão Ensemble, João Paulo Esteves da Silva Trio, Nova Orquestra Futurista do Porto, Tiago Pereira, Triktopus e outros tantos músicos, realizadores, fotógrafos, performers e atores são os protagonistas desta edição.

      Festival Som Riscado, de quarta-feira a domingo em Loulé.

      Programa completo na pagina do Cineteatro Louletano.

      +
      Festival Som Riscado em Loulé (dia-todo)
    2. Exposição de desenhos “Ar” no Museu Municipal de Faro
      10:00 – 18:00

      Até 8 de Abril o Museu Municipal de Faro, recebe a exposição de desenhos “Ar” de Isabel Baraona, Thierry Simões e Tiago Baptista.

      Trata-se de uma mostra que é um desenho de desenhos, unidos por um “ar” de coisa viva, em transição, inacabada, aberta e disponível — uma espécie de profecia à espera de ser cumprida.

      Esta exibição segue o ciclo de arte contemporânea “Um Certo Ponto de Vista”, um projeto “Artadentro” apresentado no âmbito do 365Algarve.

      Durante a inauguração, que acontece sábado às 17h00, tem lugar uma prova de vinhos algarvios, oferecida pela Comissão Vitivinícola do Algarve.

      Exposição de desenhos “Ar” para ver até 8 de Abril no Museu Municipal de Faro.

      +
      10:00
      Exposição de desenhos “Ar” no Museu Municipal de Faro
    3. Exposição “A lucerna através do tempo. Iluminando Ossónoba romana”
      10:00 – 17:00

      Até 6 de maio o Museu Municipal de Faro recebe a exposição “A lucerna através do tempo. Iluminando Ossónoba romana”

      A lucerna é um conhecido artefacto arqueológico de iluminação, que fazia parte do quotidiano de qualquer família. É também um objeto de propaganda, de mudanças sociais e religiosas, de gostos estéticos, de comércio e de economia.

      Nesta exposição é exibido um conjunto de várias dezenas de lucernas, mostrando a sua evolução entre o século II a.C e o século VI da nossa Era, juntamente com mais peças emprestadas pelo Museu Nacional de Arqueologia.

      Para ver até 6 de Maio no Museu Municipal de Faro, exposição “A lucerna através do tempo. Iluminando Ossónoba romana”.

      A inauguração acontece sábado às 17h.

      +
      10:00
      Exposição “A lucerna através do tempo. Iluminando Ossónoba romana”
    4. Exposição “Nasti de Plasti” na Associação 289
      15:00 – 19:00

      Até 7 de Abril, a associação 289 recebe a Exposição “Nasti de Plasti”, de Ruy Otero e João Azevedo.

      Nasti de Plasti é uma exposição acerca dos media e da comunicação. Velhos monitores, plasmas, fotografias, redes sociais, séries de televisão e toda a parafernália associada ao Zeitgeist ensaiam-se a si próprias resultando em novas possibilidades narrativas que têm o quotidiano e a vida em conta.

      Ruy Otero e João Azevedo são de gerações diferentes e por isso, neste caso, complementam-se para assinar um happening que reflete a esquizofrenia mediática contemporânea.

      Exposição “Nasti de Plasti”, de Ruy Otero e João Azevedo, para visitar até 7 de Abril, no espaço da a associação 289, no Sítio das Pontes de Marchil em Faro.

      A inauguração acontece sábado, às 17h.

      +
      15:00
      Exposição “Nasti de Plasti” na Associação 289
 
Destacar permite ouvir enquanto navegas na página. Essencial para quem usa Firefox
Destacar permite ouvir enquanto navegas na página. Essencial para quem usa Firefox
Destacar permite ouvir enquanto navegas na página. Essencial para quem usa Firefox
Destacar permite ouvir enquanto navegas na página. Essencial para quem usa Firefox
Destacar permite ouvir enquanto navegas na página. Essencial para quem usa Firefox
 
Newsletter
  1. Aguardamos os teus comentários e Sugestões